Educação

Educação

Solucionar os problemas educacionais da maioria da população, ajudar a construir um país melhor e a formar cidadãos mais preparados para enfrentar os desafios da vida moderna é o lema da Fundação Roberto Marinho. Desde o início, a finalidade é usar a educação como fio condutor da cidadania. Referência em ensino à distância, o Telecurso é um exemplo de método para reduzir custos aos governos e ampliar a oportunidade de acesso à educação para milhares de brasileiros. 


Do presídio ao exterior

Roberto Marinho e o ministro da Justiça Nelson Jobim assinam convênio para a exibição do Telecurso 2000 em presídios, 31/08/1995. Domingos Peixoto/Agência O GloboAções da Fundação contribuíram para valorizar o ensino à distância que Roberto Marinho havia começado em 1978. Os parceiros foram fundamentais nesse processo. Em 1995, o jornalista e o então ministro da Justiça, Nelson Jobim, assinaram convênio para a exibição do Telecurso 2000 em presídios.

Com o Exército, em 1996, o programa foi levado aos quartéis. Chegou  também à Argentina, Inglaterra, Japão e países de língua portuguesa, como Moçambique, Timor Leste e Cabo Verde.