Inauguração

Inauguração

ZYD-81, TV Globo, canal 4 do Rio de Janeiro. A televisão de Roberto Marinho nasceu em um prédio no bairro do Jardim Botânico, na zona sul da cidade. O primeiro do Brasil especialmente projetado para abrigar uma emissora de TV. 


Estreia

A TV Globo estreou oficialmente às 11h da manhã do dia 26 de abril de 1965, ao som do Hino Nacional. O diretor-geral Rubens Amaral fez um pronunciamento, apresentando a emissora aos telespectadores da cidade do Rio de Janeiro e do estado da Guanabara. A primeira atração foi o programa infantil Uni-Duni-Tê, apresentado pela professora Fernanda Barbosa Teixeira, a Tia Fernanda.

Entre os destaques do dia estavam, ainda, o infantil Capitão Furacão, o noticiário Tele Globo (exibido em duas edições), o jornalístico Se a Cidade Contasse, o seriado Rua da Matriz e a novela Ilusões Perdidas. O público sintonizado no canal 4 neste dia também pôde assistir a Romance na Tarde (programa apresentado ao vivo por Norma Blum, que exibia longas-metragens e entrevistas com atores, cantores e escritores), Festa em Casa (programa feminino apresentado por Paulo Monte), Sempre Mulher (programa feminino com apresentação da atriz Célia Biar), Musicalíssima (comédias musicais variadas) e Show da Noite, programa de entrevistas apresentado pelo ator Gláucio Gill.

Para Roberto Marinho, como esperado, foi um dia muito especial, por ele ter conseguido superar “toda sorte de dificuldades materiais e também toda uma gama de desconfianças e pessimismos”.