Obras de Arte

Obras de Arte


Iberê Camargo

Iberê Camargo, Garrafas, 1957. Óleo/tela. Foto: Pedro Oswaldo Cruz
Iberê Camargo, Garrafas, 1957.
Óleo/tela. Foto: Pedro Oswaldo Cruz
 

Roberto Marinho ganhou esse quadro do poeta e amigo Augusto Frederico Schmidit, em 1958. Destaca-se nessa natureza morta a influência do modernismo do pintor italiano Giorgio Morandi.

 

Iberê Camargo, Regimento Caetano de Faria, 1981. Crayon/papel. Foto: Cristiana Isidoro
Iberê Camargo, Regimento, Caetano de Faria, 1981.
Crayon/papel. Foto: Cristiana Isidoro
 

Iberê Camargo viveu uma tragédia pessoal: em dezembro de 1980, o pintor matou a tiros um engenheiro após discussão e envolvimento numa briga. Passou cerca de um mês preso, foi julgado e absolvido em 1982 por legítima defesa. Esse desenho foi feito quando estava preso no Regimento Marechal Caetano de Faria, na Praça Onze, no centro do Rio de Janeiro. Ao fundo está parte do prédio de O Globo.