A Fundação Roberto Marinho iniciou suas atividades, em 1977, com a Campanha de Preservação da Memória Nacional. A proposta era conscientizar a população e as autoridades para a importância e necessidade da preservação e restauração do patrimônio histórico. O slogan da campanha, exibido em comerciais na Globo, era: "Nosso passado está vivo, ajude a conservá-lo".


Casa França-Brasil

Em 1986 começou a recuperação da Casa França-Brasil, considerado o primeiro edifício neoclássico do Brasil. Inaugurado em 1820, o prédio foi projetado pelo arquiteto francês Grandjean de Montigny para funcionar como uma espécie de bolsa de negócios no Rio de Janeiro. As obras contaram com o apoio do governo do Rio de Janeiro, da Fundação Pró-Memória, da Rhodia e do IPHAN.